segunda-feira, 13 de junho de 2011

Cupcake de encher o bucho

Me lembro que em 2008 quando fazia assessoria de imprensa para o lançamento de um restaurante descoladinho, a grande novidade do cardápio seriam os tais cupcakes, que eram uns bolinhos que alguém do seriado Sex and the City gostava – e essa era a única informação que nós tínhamos. E eu nem assistia Sex and the City! O que nós ligamos para amigas que talvez assistissem a série pra tentar descobrir o que era exatamente... O Google não foi muito esclarecedor nesse dia.

Depois eles explodiram e agora a busca pela palavra “cupcake” no São Google te dá aproximadamente 75.100.000 resultados (e crescendo). Acontece que aqui na nossa vida real eles não foram nem um pouco comuns nesse tempo. Posso contar com apenas dois dedos os que comi durante essa “overdose virtual”.

Pros que não o conhecem por este nome, ele nada mais é que um bolinho assado numa forminha de papel que pode ser enfeitado como bem quiser – e personalizado, o que é mais legal. A melhor descrição de cupcake que vi até hoje é de que ele é um “bolinho bacia metido a besta”! E é bem isso mesmo! Mas ele ser gostoso e BONITO pra mim é ótimo! Eu gosto de comida que enche os olhos – e o bucho.

Há bastante tempo tenho vontade de tentar uma receita deles, mas o problema sempre estava nos acessórios, porque eu não ia assar os tais em forma de empada e fazer uma melequeira sem fim no forno para no final ter microbolinhos em forminhas de papel queimado, certo?

E olhe que as forminhas certas não são fáceis de encontrar... pelo menos não foram para mim. Encontrei lá no “centrão” numa loja chamada Irmãos Haluli, maomeno perto do Mercado de São José, numa daquelas ruas que eu e minha capacidade de orientação somos incapazes de dizer qual é (juro que não sei voltar).

Forminhas de papel específicas para cupcake e forminhas de alumínio tamanho 10

Empolgada, comprei as coisas de manhã e passei a tarde pesquisando a melhor receita, até que encontrei essa “Anatomia de um bolinho – um passo a passo de como fazer Cupcakes”, no The Cookie Shop, ótimo pra quem quer fazer pela primeira vez, ou só pra olhar mesmo, já que tem fotos ótimas.


Bolinho de baunilha (receita do The Cookie Shop):
  • 1 1/2 xícara de farinha de trigo
  • 1/2 colher de sopa de fermento em pó
  • 1 pitada de sal
  • 100g de manteiga sem sal, em temperatura ambiente
  • 3/4 de xícara mais 2 colheres de sopa de açúcar
  • 1 colher de chá de essência de baunilha
  • 2 ovos
  • 3/4 xícara de leite
Modo de fazer: Numa tigela, peneire a farinha, fermento e sal. Reserve. Na batedeira, bata a manteiga e o açúcar até ficar claro e fofo. Junte a baunilha e os ovos, um de cada vez, batendo bem após cada adição. Em velocidade baixa, junte a farinha em três adições, intercalando com o leite (termine com a farinha) e misture até ficar homogêneo. Não bata demais.

Eles cresceram lindos e o meu orgulho já estava tão redondinho quanto eles, entretanto, contudo, porém... No post, ela diz que não precisa deixar assar demais, quando passar no teste do palito, já pode tirar. E foi o que fiz. Ansiosos, provamos um ainda morno e constatamos que assaria mais...
Segurei o meu desânimo e fui fazer a cobertura. Não fiz recheio (oi, preguiça!).

Resolvi fazer a cobertura com Ganache (= barra de chocolate derretida com meia caixinha de creme de leite) porque tinha visto uma reportagem em que a moça fazia assim e era tão simples... e ficavam tão lindos... Mas né, não ficaram como eu queria... a tal ganache ficou muito mole e todo o meu esforço com o saco de confeitar não adiantou muita coisa, já que a cobertura ficou assim, com essa aparência de... nada. E também não rendeu muito, alguns bolinhos ficaram a ver navios.

Olha ali atrás o pobrezinho que ficou sem chocolate...

Apesar de não terem ficado lindos e maravilhosos como os meus olhinhos gostariam de ver, ficaram muito bons e encheram meu buchinho com muita desenvoltura! Sim, assariam um pouquinho mais, mas depois de frio é coisa que nem se nota, sabe? (lembrete mental: esperar ficarem bronzeadinhos de leve, da cor do verão, cheios de saúde – mas não tanto pra não ficarem ressecados).

Agora estou à procura da cobertura perfeita: aquela que é fácil, barata, que tem todos os ingredientes em casa, e que fique linda e maravilhosa. Quero nada né?

8 comentários:

Talula disse...

Ganache não rende nada, né? Mas é tão bom...Eu acho que a cobertura de marshmallow é a que mais rende, Nara, mas ganache é infinitamente melhor!

Nara disse...

É muito bom mesmo, Talula... chega dá vida pro bolinho =P

Valeu a dica do marshmallow, vou catar uma receita e ver se dou conta =) Só que não tem gosto de muita coisa, né? Mas fica bonito...

Beolina disse...

Ah, eu achei bonitinhos, sim!

Vanessa disse...

Fiz esses cupcakes no sabado, e apesar de eu achar que ele não ficou tão fofinho assim, ele foi aprovado e muito elogiado pelo namorado, sogra, cunhado e cunhada. =)

Vale destacar que a opinião do meu namorado é a mais crítica possível, se ele elogiou é pq ficou bom mesmo. =P

Nara disse...

Aê, Vanessa, parabéns!!! Só me dá orgulho essa garota! =)

Olha, e a cobertura, você fez de que? Ganache tb??

Vanessa disse...

Fiz cobertura de brigadeiro e comprei aqueles confeitos de coração.

Ah,esqueci de dizer... eu tinha uma barrinha de chocolate meio amargo da nestle aqui de bobeira, então coloquei um quadradinho de chocolate em cada cupcake antes de assa-lo (é claro!). =)

Depois teste fazer isso, achei que o chocolate fez toda a diferença.

Nara disse...

Anotei a dica!!! Tudo fica melhor com chocolate hehe
Mas será que não foi por causa do dele que não ficaram tão fofinhos?

Os seus, confeitinho bonitinho devem ter ficado lindos!!! =)

Isadora disse...

vim conhecer o seu blog e adorei o texto e a beleza das fotos!!!

receitas deliciosas!!!

http://deliciasdaisa.blogspot.com/

Postar um comentário

Tem lugar melhor pra bater papo do que a cozinha? =)